quarta-feira, junho 29

Mulher bate em assediador e é chamada para evento de MMA

Pinterest LinkedIn Tumblr +

Em Porto Alegre (RS), a frentista Marian Damásio, de 22 anos, bateu em um homem após ser vítima de importunação sexual. O caso aconteceu no último domingo (15/05), em uma loja de conveniência do posto onde a jovem trabalha. As informações são do portal G1.

Na terça-feira, a jovem registrou um boletim de ocorrência. O homem que assedio Marian tem 25 anos de idade e já foi identificado pela Polícia Civil. Ele é um cliente do estabelecimento.

Câmeras de segurança gravaram a reação da frentista. As imagens viralizaram e Marian recebeu o convite do criador do Jungle Fight, Wallid Ismail, para treinar em uma academia e lutar em uma edição do evento de MMA (sigla, em inglês, para artes marciais mistas).

– Eu não queria ter a reação que tive. Não acho que é com violência que se resolvem as coisas. Mas perante tudo isso que aconteceu, viralizou na mídia, veio a parte boa, que foi o convite – disse a frentista.

A assessoria do Jungle Fight confirmou o convite feito à jovem. A empresa responsável procura um local para Marian treinar.

A frentista disse que nunca praticou artes marciais.

– Sempre gostei, mas nunca fui a fundo – contou.

Share.

Comments are closed.