quarta-feira, junho 29

Mourão sobre defesa do AI-5: “Cada um com sua loucura”

Pinterest LinkedIn Tumblr +

O vice-presidente Hamilton Mourão (Republicanos) falou, nesta segunda-feira (16/05), sobre a presença de bandeiras a favor do Ato Institucional número 5 (AI-5) em manifestações de apoio ao presidente Jair Bolsonaro.

– Isso aí já passou – disse o general da reserva a jornalistas no Palácio do Planalto.

Assinado em 1968, o AI-5 é o símbolo do endurecimento do regime militar instalado no Brasil naquela época ao permitir, por exemplo, o fim do habeas corpus e o fechamento do Congresso Nacional. Apologias ao regime são considerados inconstitucionais.

– Cada fase da história do Brasil tem suas características e seus aspectos. Isso aí já passou, né? Quem nasceu em 68 tem quantos anos hoje? 54? Tem gente que sai de foice e martelo, ainda. Cada um com sua loucura – declarou o vice-presidente nesta manhã.

Neste domingo, o presidente Jair Bolsonaro (PL) também falou sobre a defesa do AI-5 por parte de seus apoiadores. Ele disse que é preciso ter pena das pessoas que levantam faixas defendendo o AI-5.

– Um maluco levanta uma faixa lá: “AI-5”, existe AI-5? Tem que ter pena do cara – afirmou o chefe do Executivo.

Share.

Comments are closed.