sábado, maio 21

Empresário é morto a tiros em Santa Bárbara

Pinterest LinkedIn Tumblr +

Na madrugada desta quarta-feira, 11 de maio de 2022, por volta de 1h30min, a Polícia Militar de Santa Bárbara, compareceu na rua Dimissiana no bairro Parque Recanto Verde, onde o empresário Afrânio de Paula Braga, de 52 anos, foi baleado durante uma tentativa de assalto.

De acordo com as informações, a esposa da vítima contou que o empresário acordou como de costume para preparar sua ida para Belo Horizonte, para fazer compras no Ceasa para seu Supermercado, que ouviu barulho de três tiros vindo da garagem e seu marido pedindo por socorro, onde disse ter sido vítima de assalto, em seguida caiu ao chão o autor estava com uma toca ninja, e roupas pretas que fugiu do local correndo sentido a rua Nossa Senhora da Conceição.

Segundo informações a bolsa do empresário foi encontrada aberta no quintal da casa, porém nada foi levado, inclusive a bolsa estava com dinheiro, cheques e documentos. A vítima ainda agonizava e familiares o levaram rapidamente até o hospital local com um ferimento próximo a axila.

Os Militares foram ao hospital tão logo tomaram conhecimento do fato, a vítima deu entrada na unidade de saúde com ferimento próximo a axila esquerda, durante atendimento devido a gravidade do ferimento, a vítima não conseguiu passar maiores detalhes sobre o atirador nem o ocorrido, disse aos Militares que o bandido anunciou um assalto, que ele era baixo, de cor negra e estava de máscara.

Afrânio de Paula foi atingido na axila esquerda, que quebrou uma costela e ficou alojado no abdômen, seu estado de saúde era grave, e necessitava ser transferido para um hospital em Belo Horizonte, o mais rápido possível.

Os Militares no local do crime encontraram marca de disparo no muro, e também pedaços de projétil no chão. Toda área do crime foi isolada aguardando a chegada da perícia da Policia Civil, que compareceu e realizou os trabalhos técnicos criminais de investigação.

Já por volta de 13h, os Militares mantendo as diligências e apuração do fato conseguiram a identificação e captura dos suspeitos, em seguida receberam a informação que a vítima não resistiu aos ferimentos e acabou morrendo.

Os Militares verificaram imagens no sistema de videomonitoramento, Olho Vivo, que por volta de 01h da madrugada um suspeito de 35 anos, foi visto caminhando na esquina darua Adelino de Paula com a rua Dimissiana, há aproximadamente 200 metros da residência da vítima, exatamente no horário em que a vítima preparava para sair para o CEASA, que esse aparentava estar vigiando a saída do empresário para cometer o crime, pelas imagens o suspeito vestia roupas escuras idênticas às relatadas pelas testemunhas.

Esse suspeito foi localizado, por uma ação conjunta entre as equipes da Polícia Militar e Polícia Civil, na sua própria residência, no bairro São Bernardo em Santa Bárbara.

Durante conversa com o suspeito, esse autorizou que buscas fossem feitas, as roupas usadas por ele na madrugada foram encontradas, durante conversa entrou em contradição várias vezes sobre o que fazia no local próximo do crime. Alegando não ter saído nesta madrugada, ele foi encaminhado até o 3º Pelotão da Polícia Militar na rodoviária de Santa Bárbara para esclarecer sobre sua participação no crime, no local os Militares receberam uma denúncia anônima vinda via COPOM de Itabira, que no momento do crime teve um segundo suspeito de 47 anos, morador também do bairro São Bernardo.

O denunciante relatava que este segundo suspeito, seria o autor executor do latrocínio, que após efetuar os disparos que atingiram o Afrânio, foi visto correndo com uma arma de fogo nas mãos pelas ruas próximas do local dos tiros. Rapidamente os Militares, foram no encalço do denunciado e o abordou em sua casa, onde foram encontradas uma calça de cor preta com resquícios de terra, uma blusa de frio de cor preta, idênticas às vistas pelas testemunhas.

Em confronto de informações aos suspeitos, o denunciado afirmou não conhecer o suspeito de 35 anos, contudo, esse confirmou conhecer o denunciado disse ainda que ambos cresceram juntos no mesmo bairro, questionado da localização da arma o denunciado negou a dizer a localização. O denunciado conhecido por “Miau”, recebeu voz de prisão em flagrante pela prática do crime de Latrocínio contra a vítima Afrânio. O segundo suspeito também foi apresentado na Delegacia de Plantão de Santa Bárbara como coautor do crime.

Share.

Comments are closed.