terça-feira, setembro 28

Weverton Vetão visita projeto Cabeça Feita e fala em oportunidades a jovens itabiranos

Há muito tempo o terceiro setor oferece assistência e capacitação às pessoas que, muitas vezes, não conseguem acessar estas oportunidades, seja de maneira pública ou mesmo privada. Em Itabira, desde 2017, o projeto Cabeça Feita tem transformado positivamente a realidade de várias comunidades itabiranas ao oferecer cursos profissionalizantes para pessoas carentes.

A proposta une-se à defendida amplamente pelo presidente da Câmara Municipal de Itabira, Weverton Leandro Andrade Santos “Vetão” (PSB). E, por isso, nesta segunda-feira (13/09), ele foi conhecer o projeto Cabeça Feita.

“Sabemos que a capacitação profissional é uma ferramenta indispensável para o jovem que deseja ingressar ou manter-se no mercado de trabalho. Tivemos belíssimos exemplos de jovens que fazem cursos e que ao chegarem no mercado de trabalho vão ter um tratamento diferenciado porque receberam uma capacitação. Buscaremos apoio para que esse projeto cresça cada dia mais e atenda nossos jovens”, destacou Weverton Vetão.

O projeto Cabeça Feita foi fundado por Sidney Marques Vitalino Guimarães, popularmente conhecido como Sidney do Salão, oferecendo cortes de cabelos gratuitos. Em quatro anos, 1.800 alunos passaram pelo projeto e saíram com um certificado e uma profissão. Atualmente, são ofertados 18 cursos gratuitos nas áreas de estética, elétrica e artes musicais. Além disso, o projeto oferece oficinas esportivas, aulas de zumba, promove a doação de alimentos, mutirão de limpeza e revitalização de praças.

“O aluno só paga a inscrição dos cursos. No mais, tudo é gratuito. Hoje o projeto desenvolve atividades em dois bairros: Santa Marta e Jardim das Oliveiras. A ideia é ampliar o projeto Cabeça Feita no ano que vem”, comentou Sidney do Salão, que também é vereador.

Comentários desativados