domingo 15 de dezembro de 2019

Com mudanças, Atlético pega o Botafogo no Mineirão por vaga na Copa Sul-Americana

Livre do risco de rebaixamento e focado em conseguir uma vaga na Copa Sul-Americana, o Atlético encara o Botafogo nesta quarta-feira (04/12), às 19h30, no Mineirão, na penúltima rodada do Campeonato Brasileiro. Após mais baixos do altos que no torneio, o Galo chegou aos 45 pontos e subiu para o 13º lugar. O time precisa de mais quatro pontos para conquistar um lugar na competição internacional.

Com a permanência na elite, o técnico Vagner Mancini tem mais tranquilidade para testar a equipe, como ele mesmo havia adiantado que faria, para que alguns atletas terminem o ano “de forma positiva”.

Uma das mudanças pode ser o retorno do goleiro Victor, que não joga há mais de quatro meses em razão de uma tendinite no joelho esquerdo. O treinador havia dito que daria uma oportunidade para o veterano voltar aos gramados ainda neste ano. É possível que seja nesta quarta, último jogo do Atlético diante de seu torcedor.

Outra alteração, mas obrigatória, será na lateral esquerda. Com Fábio Santos suspenso, Mancini tem Lucas Hernández e Hulk como opções, mas com o baixo desempenho dos dois, que sequer foram relacionados para o último duelo, é provável que o treinador desloque Patric para a posição. Guga deve retomar seu lugar na direita.

Na frente, o meia Luan está fora, devido a desgaste muscular. Se isso acontecer, a tendência é de que o Otero seja escalado. O centroavante Ricardo Oliveira também pode ter uma chance.

Botafogo

Também livre de risco de rebaixamento, o time carioca quer ir para a Copa Sul-Americana. No momento, ocupa 14ª posição, com 42 pontos.

Para isso, o técnico Alberto Valentim não poderá contar com o meia Alex Santana, suspenso pelo terceiro cartão amarelo. Leo Valencia deve ser o escolhido para o seu lugar. Por outro lado, os laterais Marcinho, na direita, e Lucas Barros, na esquerda, podem retomar a condição de titular. Eles entrariam, respectivamente, nas vagas de Fernando e Yuri. As mudanças não foram confirmadas.

Como o zagueiro Gabriel não pode atuar por questões contratuais, já que pertence ao adversário, a dupla defensiva continua sendo formada por Marcelo Benevenuto e Joel Carli, que atuaram juntos na derrota por 1 a 0 para o Internacional, no Engenhão.

Comentários desativados