quarta-feira 20 de novembro de 2019

Maior ponto de encontro da Vale em Barão, não tem licença dos Bombeiros

A Vale não tem auto de vistoria do Corpo de Bombeiros para utilizar o Espaço de Eventos José Furtado como principal ponto de encontro, em caso de rompimento da barragem Sul Superior da mina de Gongo Soco em Barão de Cocais.

O local, segundo estimativa da Prefeitura, receberia cerca de 3 mil pessoas em caso de a lama chegar à área central da cidade.

O secretário municipal de Cultura e Turismo, Rafael Gomes, confirmou ao Diário que já encaminhou dois ofícios à Vale cobrando providências, mas sequer foi respondido. A empresa usa o Espaço de Eventos desde março, sem nenhuma vistoria dos Bombeiros.

A Vale argumentou, através de sua assessoria de comunicação, que todos “os locais para ponto de encontro, em caso de rompimento da barragem Sul Superior, em Barão de Cocais, foram validados pela Defesa Civil, conforme legislação”. A mineradora também alegou que “mantém diálogo constante com o poder público e cumprirá as determinações dos órgãos competentes sempre que solicitada”.

Fonte – Diário de São Gonçalo

Comentários desativados