quarta-feira 20 de novembro de 2019

Homem constrói muro, e deixa a mãe em cárcere privado por causa de “fofoca”

Um homem de 31 anos foi levado para a delegacia na tarde desse domingo (03/11), após ser constatado que ele mantinha a sua mãe, de 58 anos, em cárcere privado há aproximadamente duas semanas no bairro Ribeiro de Abreu, região Nordeste de Belo Horizonte.

Segundo a Polícia Militar (PM), após uma denúncia, os militares chegaram ao local do crime, que fica na rua Capitão Duarte. Com autorização da irmã da vítima, de 56 anos, eles entraram no imóvel, e confirmaram que a mulher estava presa em sua própria casa. O suspeito, que é filho dela, teria construído um muro para impossibilitar que a mãe saísse de casa.

Em conversa com a vítima, ela confirmou que estava trancada em casa porque faz “fofocas”, o que tem gerado atrito entre os parentes que moram no mesmo lote, mas em casas separadas.

O fillho dela confessou a ação, mas que só fez isso para resguardar a integridade física da mãe, poruque os outros moradores do local estavam irritados com as atitudes dela. Ele ainda disse que, mesmo privando a sua mãe de ter contato com os demais familiares, ela continua fazendo comida e afazeres domésticos.

Tanto a vítima quanto o autor relaram à PM que não tem havido falta de alimentos ou condições insalúbres no local. Mãe filho foram levados para a Delegacia de Plantão de Atendimento à Mulher da Polícia Civil.

A corporação informou que a vítima não quis prestar queixa contra o filho, e também não solicitou medida protetiva. Mesmo assim, um inquérito foi aberto para investigar os fatos.

Fonte – O Tempo

Comentários desativados